Evaristo Méndez e a associação A Fonte do Milagro propõem recuperar a microtoponímia de Folgoso do Courel

Froxán é um lugar único na Galiza: esta aldeia de Folgoso do Courel é declarada Sítio de Interesse Cultural pelo seu elevado valor etnográfico. Nela nasceu Evaristo Méndez, que desde cedo se encantou por "ouvir os velhos como única forma de aprender". Com este espírito, sempre trabalhou para recuperar a memória de Froxán e Courel através da associação da qual é hoje presidente, A Fonte do Milagro. Este grupo, com mais de duas décadas de experiência, nasceu com o objetivo de trabalhar para a Courel e valorizar a sua cultura e tradições. A estes objectivos pretendem acrescentar outro: a recuperação da toponímia tradicional de Folgoso do Courel.

Em recente entrevista publicada no jornal El Progreso de Lugo, Evaristo Méndez comentou que a sua proposta é envolver, além dos membros de sua associação, a sua Câmara Municipal: “a intenção é documentar os nomes das casas, lugares, estradas. ... para que não se percam”. Para isso, quer aproveitar a memória dos mais velhos, verdadeiros guardiões da nossa sabedoria popular e tradicional. 

Conta que já "identificou 300 nomes só de Froxán" e que "recolheu material para chegar a 800". Para registar e divulgar esta informação, está a utilizar a plataforma colaborativa Galicia Nomeada, “onde pode anotar os topónimos num mapa digital”. Até agora, são mais de 100 topónimos que Evaristo Méndez e os membros da Fonte do Milagro introduziram com esta aplicação e disponibilizaram a todos nós.

Graças às suas contribuições, descobrimos que a aldeia de Froxán está dividida nos bairros Carril e Airavedra; que na entrada está a fonte que dá nome à associação ou que por estas terras, um “alvar” é uma variante de “alvariza”, isto é, uma construção que serve para agrupar e guardar um conjunto de colmeias.

Mas o trabalho incansável de Evaristo Méndez e da associação A Fonte do Milagro ultrapassa os limites de Froxán: "Quero recuperar a toponímia de Courel, aproveitando o facto de termos socios de muitos lugares". Do projeto Galicia Nomeada queremos mostrar a nossa gratidão e admiração pelo trabalho destes amigos courelaos.