Do Alto da Serra a Zafarina: Meis em Microtopónimos

Há mais um estabelecimento de ensino a se juntar ao projeto Galicia Nomeada. A rapaziada do CPI do Mosteiro-Meis está empenhada na salvaguarda da sua toponímia tradicional. Conscientes de que é património de todos nós, vão recolher os nomes do seu concelho para os tornar valiosos e acessíveis a todos os cidadãos através da plataforma Galicia Nomeada.

O projeto foi idealizado pela Equipa de Dinamização e Normalização Linguística do centro, composta pelos professores Fernando Pazos García, Luz Varela Armas, Pilar Rodríguez Rivas e Mar Rey Pérez. A planificação começou em dezembro de 2021, quando Fernando Pazos, professor de Língua e Literatura Galega, propôs a Vicente Feijoo, coordenador técnico do projeto Galicia Nomeada, dar uma palestra no centro sobre o valor cultural da toponímia galega e o risco que corre de se perder. Nesta mesma palestra introdutória, a menina aprendeu como podia participar na salvaguarda dos microtopónimos do seu ambiente através da aplicação colaborativa Galicia Nomeada, bem como a origem e significado dos nomes das freguesias e aldeias de Meis.

O próximo passo para professores e alunos foi encontrar um nome para o seu projeto local; o vencedor foi este: Do Alto da Serra a Zafarina: Meis en Microtopónimos. Nesta fase do projeto foi fundamental envolver as famílias dos alunos e os seus vizinhos. Para informá-los sobre os objetivos do projeto,  prepararam um folheto que inclui um código QR através do qual se pode transferir a aplicação Galicia Nomeada. A publicação disponibiliza ainda um fantástico vídeo em que se explica a forma como introduzir um topónimo na aplicação.

O passo seguinte deste projeto educativo consistiu numa prática de recolha de nomes no terreno através da aplicação para dispositivos móveis Galicia Nomeada. Para isso, Vicente Feijoo voltou ao centro no dia 25 de março. Neste dia, um grupo de mais de 100 alunos e alunas do CPI O Mosteiro, acompanhados pelos professores Fernando Pazos, Luz Varela, Manuel Muñoz, Anabel García e Santiago Macía, fizeram uma excursão toponímica, móvel na mão, ao longo do rio Ansede. 

A expedição contou com dois informantes excecionais, Elisa Villar Portas e Paco Outeda Rodiño, que durante 1 hora e meia orientaram a rapaziada a informá-la dos nomes das terras de um lado e do outro do rio, contando-lhes as histórias de outrora que oculta cada um desses nomes de lugares: A Reguenga, Os Suspintos, O Areal, A GramolaO Muíño da Baralla, O Muíño de Parga... e assim sucessivamente até 27 topónimos recolhidos durante a caminhada. A recolha foi muito animada! 

Além de aprender a inserir nomes de lugares na plataforma Galicia Nomeada, os alunos puderam gravar áudios dos informantes a pronunciarem os topónimos e tirar fotos dos elementos de interesse cultural no percurso (pontes e moinhos) para preencher as fichas de cada nome. Tudo foi supervisionado e registado por um drone que os observava do céu graças à habilidade do professor Manuel Muñoz.

Outra das atividades vinculadas a este projeto foi a jornalística, pois o centro possui um programa de rádio em que alunos do 6.º ano do ensino primário realizaram duas entrevistas relacionadas com o tema: por um lado entrevistaram o vereador do Património, José Ramón Vidal Juviño, e por outro, Vicente Feijoo, no mesmo dia da excursão toponímica. Nesta entrevista, os alunos Roberto Fuentes, Alicia Míguez e María Bermúdez, acompanhados pelo professor Manuel Fernández, perguntaram a Vicente, entre outras coisas, de onde veio a sua paixão pela toponímia.

Ressalta-se que não é a primeira vez que a toponímia passa a fazer parte das atividades desta escola. Há alguns anos, o alunado escolheu, através de um inquérito, os topónimos mais fermosos do município e nomearam com os mais votados as dependências do centro: A Saleta, Cabeza de Boi, A Granxola... são alguns dos nomes das salas do seu centro, da sala dos professores...

Desde o projeto Galicia Nomeada agradecemos esta interessante iniciativa do CPI O Mosteiro de Meis, da qual beneficiaremos todas e todos os galegos. Convidamos outros centros a aderirem ao projeto Galicia Nomeada, do qual fazem parte atualmente mais de vinte.

Galería de imaxes
  • Meis en Microtopónimos
  • Meis en Microtopónimos
  • Meis en Microtopónimos
  • Meis en Microtopónimos
  • Meis en Microtopónimos
  • Meis en microtopónimos
  • Meis en microtopónimos
  • Meis en microtopónimos
  • Meis en microtopónimos
  • Meis en microtopónimos
  • Meis en microtopónimos
  • Meis en microtopónimos
  • Meis en microtopónimos
  • Meis en microtopónimos
  • Meis en microtopónimos
  • Meis en microtopónimos
  • Meis en microtopónimos
  • Meis en microtopónimos
  • Meis en microtopónimos
  • Meis en microtopónimos
  • Meis en microtopónimos
  • Meis en microtopónimos
Tipos